Heterosexuais - ENCANTADO - Contos Eróticos

Contos Eroticos

                   

Pesquisa R√°pida


ENCANTADO

Ver todos os Contos Eróticos de leticialuccheze

Referência (ID): 1553
ENCANTADO

Ao chegar no ponto de √īnibus, l√° estava ela. Sustada, seus l√°bios proferiam versos mel√≥dicos.

“...Já tentei tirar você do coração,
desisti n√£o consegui.
O que é que eu vou fazer,
gosto de você...
...Meu amor
Te quero do meu lado,
meu amor,
estou apaixonado.
Quero te dizer,
como é bom te ver;
você é como um sonho,
que preciso pra viver...‚ÄĚ

L√°bios belos, os mais belos que j√° vi! O magnetismo deles puxava-me para o seu encontro. Sedento, cheguei estar quase, ao seu lado.
Um rugir, meu aceno, minha admiração e um ato de cavalheirismo.
Seus pensamentos se mantinham avantes, em cenas paradas, que corriam através das janelas.
Vestido comprido, solto, confort√°vel, gostoso! Em tons marrons, compunham diversas gravuras; que mostravam um pouco da cultura e fascina√ß√£o da √ćndia, do Egito e da √Āfrica. Tra√ßos fortes, em contraste com sua feminilidade.
O tecido era de textura fina, onde transpunha a maciez de cada movimento seu.
Naquela formosura, os mamilos salientavam e os seios em parcial transpareciam. E no jogo das cores, conseguiam tapear sua total nitidez.
Em sua bolsa, havia um desenho pequeno, com o subscrito signo. Percebi que ela era um par√Ęmetro literal, real e absoluto dele. Selvagem e animalesca! Demonstrava que antes, durante e depois; cheirava, pensava, sentia e queria como ele.
O transporte parava, a porta abria, fechava e depois prosseguia. Nestes verbos, o vento fazia alvoroço em seu vestido; que conseguia ser mais leve que ele próprio. Tocava-lhe os pés, as coxas, os seios, o colo e evacuava incandescentemente, no balançar dos fios de seu cabelo.
Cabelos compridos, castanhos escuros, repicados e dês-lum-bran-tes. Ao toque, qualquer um entorpecia em anseios arfantes.
Eu estava em êxtase, com minuciosos minutos.
Seus olhos, ternos perambulavam, por vezes refletiam e erguidos seduziam! Olhar ardente, perigoso de se olhar! Derrubadores do sexo oposto! Uma Medusa, que no olhar transformava homens em vassalos de suas vontades. Entorpecendo-os de ardências culminantes. Tentadores e pecaminosos! Olhos que demonstravam estar famintos! Famintos de gustar, de mordiscar, de possuir e famintos de fazer o mundo todo se contorcer.
Misteriosa, emanava uma fragr√Ęncia que envolvia cada sentir e respirar! Esta conduzia o sangue para o corpo cavernoso e esponjoso dos homens ao seu redor.
O tempo, sem exist√™ncia, deixou espa√ßo para as vontades. Vontades que se fizeram, ao ponto de deixar regi√Ķes umedecidas de gozo!
Entre suas pernas, parecia que algo escorria at√© os p√©s. Isto fazia aumentar o meu fervor, fazendo-me estremecer em lam√ļrias silenciosas. O que ela pensava naquele momento? Ser√° que sabia que era desejada por mim e outros ali presentes?
Minha mente fluiu e a cada movimento seu, eu compartilhava em gemidos desandados.
A minha matéria erétil, se tornava cada vez mais ágil, em meio aqueles instantes.
Sem controle, juntamente com o fetiche, alguns membros caminharam em sua direção e iniciaram um atrito. Eu em suas nádegas, um em sua coxa direita e outro em sua coxa esquerda. Todos desejando ser sugados por sua boca entreaberta.
Despercebidos pela lota√ß√£o, faz√≠amos fric√ß√£o com o balan√ßar s√ļbito, ou n√£o daquela condu√ß√£o. Em paradas e viradas nos harmonizavam, na cumplicidade de olhares √ļmidos e avermelhados. No contorno de nossas respira√ß√Ķes ofegantes, √©ramos devorados por aquele olor sexual. Na a√ß√£o conjunta, n√≥s tr√™s nos un√≠amos pela for√ßa brutal do sexo animalesco.
Nós nos encontrávamos entorpecidos, no ambiente rarefeito. E o alívio, só veio algum tempo depois, deixando-nos encharcados de satisfação.
O deslize sutil, o sinal, a parada, a sua descida... A descida!!!
Percebi que j√° fazia parte do passado, o tempo que me tornou seu escravo.
Fui um admirador e um observador ardente. Admirador de sua sedução, invisível para os homens corriqueiros e preconceituosos.
Os versos, os olhos daquele olhar, o vestido, aquele cheiro, os toques...
Pude sentir o orgasmo, no olhar do seu pensamento.
Estive ao seu lado, por alguns minutos... E agora, ela se foi, com a escolta do meu olhar.
O ar em movimento penetrava as fibras daquele tecido, beijando-lhe toda a pele.
Vi o vestido se transformar em folha seca! E os raios do sol mostrar, o que tinha por trás de sua transparência.
Suspirei em seu distanciar e lembrando de sua canção... fiquei... encantado.

“...Já tentei tirar você do coração
desisti n√£o consegui.
O que é que eu vou fazer
gosto de voc√™...‚ÄĚ


Letícia Luccheze.



























O vestido descrito no conto, fez com que muitos homens parassem e congelassem seu olhar parar o caminhar de Let√≠cia. Ela pegou as informa√ß√Ķes que estes olhos transmitiam e juntou com as informa√ß√Ķes quando foi na casa de D√°rio Jos√© Gandy. Ao entrar no √ļltimo √īnibus, tendo como destino a casa de D√°rio, um homem encostou em sua coxa direita e outro na esquerda e naquele frenesi nasceu ENCANTADO.
O conto √© uma narrativa em terceira pessoa e √© o √ļnico de Let√≠cia que √© narrado por um homem. A m√ļsica tema do conto √© O QUE √Č QUE EU VOU FAZER , do Grupo Pirra√ßa.
Noventa por cento dos contos de Let√≠cia √© em terceira pessoa e s√£o narrados por ela, exceto este. E todo o seu conte√ļdo, oitenta por cento √© ver√≠dico e vinte por cento √© fic√ß√£o.







[email protected]
www.facebook.com/Let%C3%ADcia-Luccheze -173002122860743/?ref=bookmarks
www.leticialuccheze.com
Contato:
é necessário estar logado para enviar uma mensagem ao autor do Conto Er√≥tico. Registe-se, é gratuito.

Comentar


Código de segurança
Actualizar

Caminho:

√öltimos Coment√°rios

  • Que prazer gostoso Mais...
  • Nossa quero conhecer-te Mais...
  • https://nflvswatch.com/ https://nflvswat... Mais...
  • Ola gata gostei muito do seu conto entra... Mais...
  • Ola gostei muito do seu conto de zoo Mais...
  • Fantastic blog! Do you have any tips for... Mais...
  • I see you don't monetize your blog, don'... Mais...
  • Delicia chama no wats Mais...
  • eu fico te esperando para te dar esse t... Mais...
  • Hummm Mais...

Contos Eróticos Picantes no seu Email

Insira o seu Email:

Patrocinado por FeedBurner