Gays - Festas de fim de ano em família IV - Contos Eróticos

Contos Eroticos

                   

Pesquisa Rápida


Festas de fim de ano em família IV

Ver todos os Contos Eróticos de mrpr

Referência (ID): 1414
Festas de fim de ano em família IV

Estávamos todos ali na mesa da cozinha jantando, meu pai, minha mãe, meu irmão e ao meu lado meu namorado Thiago. Eu estava tão feliz com a receptividade que Thiago tinha recebido de meus pais que uma coragem inexplicável tinha tomado meu corpo e utilizando deste sentimento ia revelar que aquele ao meu lado não era apenas um amigo, mas meu namorado então minha mãe diz:
_ Nossa minha novela ja vai começar, não posso perder!
Minha mãe é daquelas noveleiras de carteirinha, não perde um capitulo e quando acontece procura na internet depois.
_ Não sei como você ainda consegue assistir isso, essas novelas estão cada vez piores só mostram coisas que não prestam violência, prostituição, drogas, sempre um querendo matar, roubar, passar a perna no outro de empregado a patrão, de filho ao pai e agora querem nos fazer acreditar que ser gay é normal parece que querem transformar o mundo todo em um monte de sapatão e viado!
Ao ouvir isso soltei na hora a mão de Thiago, a coragem havia ido embora e em seu lugar o medo e insegurança tomaram conta.
_ Concordo que estão forçando um pouco a barra ja estão ate se beijando a torta e a direita toda hora, mas pelo menos os principais ainda são normais.
Disse minha mãe. "Normais"? Quer dizer que eu por ser homossexual não sou normal? Então o que eu sou???
_ Por enquanto amor, porque não vai demorar muito e os principais seram viados, teram nucleos travestis, transgêneros, bissexuais, sapatões tudo na maior putaria e para não dizerem que são preconceituosos colocarão uns dois heteros para serem os vilões da historia.
_ Kkkk Ai Rodrigo você é o máximo! Mas sabe eu nem ligo para isso.
Disse meu irmão, nesse momento senti ate um pouco de alivio, pelo menos um aliado em casa.
_ Não? Vai me dizer que você é gay Jonas?
_ Claro que não, sai! Eu sou muito homem, mas pensa bem quanto mais viado no mundo mais mulher sobra pra quem gosta! É ou não é? Kkkk
Aff mais um comentário desses e meu jantar sairia ali mesmo. Pensei comigo mesmo.
_ Nossa você me assustou agora garoto! kkkk È Jonas seria bom se elas for falta de macho não passassem a colar velcro também né?
Respondeu meu pai. Que me deixou menos confiante com sua resposta.
_ Vamos mudar de assunto gente, acabamos de jantar uma comida deliciosa que eu fiz com tanto amor e carinho não vamos estragar isso com essa conversa e esses palavreados.
_ Realmente Dona Zani sua comida estava maravilhosa, a senhora é uma excelente cozinheira.
_ Obrigada Thiago fico muito agradecida com seu elogio.
_ Eu que agradeço a hospitalidade e o jantar delicioso e ja me despeço pois amanhã tenho que levantar bem cedo para trabalhar.
Disse Thiago se levantando da mesa.
_ Sem querer ser entrometido, mas você faz trabalha em que?
Perguntou meu pai a Thiago.
_ Sou segurança no "Shopping Gold" começo as seis da manhã.
_ Ai sim trabalhador, trabalho de homem!
_ Não è perigoso meu filho?
Perguntou minha mãe.
_ Todo trabalho tem seu risco, mas fiz o curso de segurança, alem disso ja pratiquei algumas lutas e academia, estou parado, mas o mês que vem ja vou voltar.
_ Massa sempre quis fazer uma luta e se morar aqui no bairro pode treinar na academia que eu treino a "Treiner" conhece?
Disse meu irmão.
_ Conheço sim tenho amigos que treinam la e eu moro aqui perto.
_ Nunca te vi por aqui.
Falou minha mãe.
_ Me mudei a uns dois anos para cá, foi logo que minha avó faleceu e na epoca eu estava fazendo o curso de segurança, academia e ainda cuidar da casa, roupa não sobrava muito tempo.
Respondeu Thiago.
_ Sei bem como é essa jornada Thiago alem de trabalhar fora e cuidar da casa ainda tenho que arrumar tempo para ser mãe desses dois e ainda dar atenção para aquele ali o.
_ Muitas tarefas kkkk Mas serio tenho que ir. Foi um prazer! Maxuel se cuida garotão quer que eu te ajude?
_ Não, pode deixar eu tomo conta dele.
Disse meu irmão.
_ Então ate mais!
Se despediu Thiago bagunçando meu cabelo e indo embora.
_ Gostei do rapaz Maxuel, parece ser boa gente.
Me surpreendeu meu pai.
_ Sim, educado, prestativo é de amizades assim que você e seu irmão devem cultivar!
Completou minha mãe.
Meu irmão que tinha ido acompanhar Thiago ate a porta voltou e perguntou se eu conseguia tomar banho sozinho.
_ Coloque uma cadeira debaixo do chuveiro que consigo.
Eu disse.
_ Mas não pode molhar essa faixa.
Disse Jonas.
_ Envolva com o papel filme e uma sacola plástica!
Gritou minha mãe da sala. Meu irmão após me ajudar a proteger o pé com a sacola me levou ao banheiro. Tomei meu banho e depois ele me levou para o quarto.
_ Obrigado Jonas!
_ Que isso maninho irmão mais velho são para essas coisas!
Disse meu mano com aquela piscadinha dele me fazendo positivo com o indicador.
Meu irmão e eu sempre fomos muito chegados e ter seu apoio seria muito importante para mim, pelo seu comentário embora um pouco machista me pareceu que ele não era contra o homossexualismo, porem uma coisa é achar que isso acontece com outros longe de sua casa outra coisa é lidar com essa situação de baixo do mesmo teto como ja vi acontecer de muitas pessoas dizerem que não eram preconceituosas mas de não aceitarem seus próprios filhos.
Acordei como sempre acontecia quando Thiago ia trabalhar com sua foto linda em meu celular informando notificação de sua mensagem de bom dia. Respondi lhe desejando bom dia e dizendo que meus pais foram só elogios para ele após sua saída. Na hora do almoço recebi a mensagem de Thiago dizendo que também gostou da recepção dos meus pais embora tenha percebido que não será fácil a aceitação deles com nosso segredo e que talvez seja melhor deixarmos para contar a eles mais adiante, tentando trabalhar e abordar o tema com calma.
Thiago estava certo, além disso eu tinha que pensar bem afinal me assumir seria algo irremediável e que eu teria que lidar para sempre. Muitos acham que este dilema é frescura que tem que falar mesmo e quem não gostar que lide com sua ignorância, mas para mim as coisas não são bem assim apesar de eu já trabalhar o que ganho ainda não é suficiente para que eu me sustente sozinho em um aluguel ainda estou fazendo faculdade e ajuntando isso com aluguel, agua luz e alimentação seria bem complicado caso meus pais me expulsassem de casa e mesmo que não fizessem isso imaginar o olhar de desprezo e raiva deles, escutar deles coisas que se ouvem nas ruas fora a pressão do dia a dia la fora chegar em casa e no lugar de paz ainda ser humilhado não é para qualquer um e certamente eu não estava psicologicamente preparado para isso.
Mas talvez poderiam aceitar na boa como a família da Larissa que estudava comigo. A família dela era super religiosa e rigorosa ela tinha muito medo de que os pais descobrissem que ela e a Fernanda se gostavam, mas quando finalmente a família descobriu acabou aceitando as duas e Fernanda foi morar junto com a família dela.
Eu tentava mudar meus pensamentos, mas não tinha muito o que fazer com o pé enfaixado sem ninguém em casa e com a recomendação do medico para eu ficar quieto sem forçar minhas opções estavam bem limitadas, eu já tinha visto vários, vídeos, series, comecei a ler um livro mas meus pensamentos sempre voltavam no assunto.
Era dia 19 sábado e folga de Thiago já não nos víamos pessoalmente há três dias e eu já sentia muitas saudades do seu beijo, do seu cheiro, então resolvi mandar uma mensagem para ele dizendo que eu ia ate sua casa.
_ Nada disso! Fique quietinho que logo chego ai.
_ Você é louco?
_ Seus pais me curtiram anjinho, qual o problema?
_ O problema é que não vou poder te beijar nem matar a saudades do seu corpo no meu.
_ Relaxa meu anjinho safadinho eu dou um jeito, não confia no seu grandão aqui?
_ Tudo bem, sabe que eu confio.
_ Eu só vou terminar umas coisas aqui e já vou ai.
_ Tudo bem beijão!
_ Outro.
Estava no meu quarto ainda com o sorriso bobo de quem tinha acabado de falar com o namorado quando meu irmão entra no quarto dizendo que minha mãe queria que eu fosse ao mercado comprar algumas coisas e claro meu sorriso não passou despercebido. Com relação ao sorriso inventei uma desculpa qualquer, mas percebi que meu irmão não engoliu muito já com a questão de ir ao supermercado eu disse que estava melhor, mas uma ida ao supermercado forçaria muito.
_ Ok irmãozinho que tal eu te levar de moto? Assim colocamos as coisas no bau e você não força tanto, mas é bom dar uma andada.
_ Mas agora?
_ Sim agora!
_ Porque você não vai sozinho?
_ Por vários motivos: O primeiro que a mãe pediu para você ir, segundo que não esta fazendo nada, terceiro para você dar uma exercitada anda muito preguiçoso e em quinto lugar de dois é mais rápido eu pego metade e você a outra das compras.
_ Mas é serio que tem que ser agora?
_ Tem Maxuel, você esta esperando alguém?
Perguntou Jonas.
_ Quem eu? Claro que não é so que eu... bom esta tão bom aqui deitado.
_ Larga de preguiça e vem logo garoto que eu ainda vou na casa da minha namorada.
Sem muita escolha fui ao supermercado com meu irmão e fiz o possível para ir o mais rápido possível, mas fim de ano sábado é uma tarefa praticamente impossível.
Quando chegamos em casa meu irmão me entregou as compras e nem entrou foi direto para a casa da Livia. Eu entrei cheio de sacolas e minha mãe me abordou logo na entrada.
_ Tem uma surpresa te esperando la no quarto.
_ Meu presente de natal já?
_ Presente kkk esse ano não tem presente. È uma pessoa acho que vai gostar.
Será que o Thiago esta no meu quarto? Como o safado convenceu minha mãe?
Fui feliz para meu quarto e quando abri a porta, deitado na minha cama com uma toalha amarrada na cintura e o corpo ainda um pouco molhado estava um rapaz, mas não era o meu namorado.

Continua...

Autor: Mrpr2.
Contato:
é necessário estar logado para enviar uma mensagem ao autor do Conto Erótico. Registe-se, é gratuito.

Comentar


Código de segurança
Actualizar

Caminho:

Últimos Comentários

  • Zuleica Mais...
  • Nojento! Isso foram estrupos. Crianças n... Mais...
  • I see you don't monetize your site, don'... Mais...
  • To toda molhadinha, gostaria muito de um... Mais...
  • Nossa foi muito ecitamti fique de Pau du... Mais...
  • Recall, these chips are used twentyfour ... Mais...
  • With havin so much written content do yo... Mais...
  • Hi i am kavin, its my first occasion to ... Mais...
  • Great delivery. Solid arguments. Keep up... Mais...
  • May I just say what a comfort to find so... Mais...

Contos Eróticos Picantes no seu Email

Insira o seu Email:

Patrocinado por FeedBurner