Gays - Te amei, amo e sempre vou te amar -5- Fim de semana com Augu - Contos Eróticos

Contos Eroticos

                   

Pesquisa R√°pida


Te amei, amo e sempre vou te amar -5- Fim de semana com Augu

Ver todos os Contos Eróticos de mrpr

Referência (ID): 1339
Parado diante daquela porta onde na noite anterior eu tinha sido repreendido novamente eu estava. Um misto de sentimentos tomava conta de mim, curiosidade para saber o que tinha la dentro e medo de ser surpreendido e novamente ser chamado a atenção como se eu fosse um moleque.
Estendi minha mão e quando ia pegar na maçaneta percebi que não era certo, Augusto estava me dando um voto de confiança e eu não deveria quebrar por tão pouco. Pensando assim voltei para o quarto de frente ao espelho penteando meus cabelos acabei me perdendo em pensamentos do passado e tendo um flash back vi como se estivesse vendo em um filme as cenas de minha própria vida:
Eu estava na imobiliária era sábado iria fazer um plantão e tinha chegado mais cedo para verificar algumas coisas, estava sozinho quando Rafael chega me vê e abre um belo sorriso pergunta se tinha chegado mais alguém digo que Margo tinha aberto para mim, mas tinha ido comprar um café para nos.
_ Hum pena.
_ Pena por quê?
_ Porque acabei de passar na padaria e trouxe esse pão quentinho olha só chega a sair fumaça e olha como esta crocante.
Diz Rafael mordendo um pedaço do pão.
_ Ate trouxe um para você, mas já que você vai comer o que a Margo vai trazer... eu como os dois kkkk
_ Ent√£o ta, ate ia te chamar para sair mais tarde, me falaram de um barzinho que parece ser muito bom com musica ao vivo, mas acho que vou convidar a Margo para conhecer comigo.
_ Tudo bem um pão por uma saída e ainda ganha um café de brinde e....
Rafael olhou de um lado e para o outro e me deu um beijo na boca.
_ Seu louco quer nos mandar embora é?
_ Louco sim, você esta fazendo isso comigo e embora só se for para uma casa nossa. Já pensou nos dois tomando um café da manhã juntinhos sozinhos na nossa casa...
Aquele sorriso lindo de Rafael some como um flash ao ouvir a voz de Augusto dizendo que chegou e me chamando para tomar café.
Vou para a cozinha e Augusto já esta fazendo o café vou preparando meu pão passando manteiga Augusto conversando comigo de repente olho para Augusto trazendo a garrafa de café para a mesa e vejo a imagem de Rafael sorrindo com a garrafa de café na mão me assusto e acabo deixando a faca cair.
_ Santiago esta tudo bem?
_ Sim, sim estou bem.
Olho novamente para Augusto e o vejo normalmente, o que estaria acontecendo comigo?
_ √ą a emo√ß√£o ne? Eu tamb√©m estou gostando muito de te ter aqui ate estamos parecendo...
Neste momento a voz de Augusto se mistura a de Rafael em minha cabeça.
_ Marido e marido.
Pois foi a mesma coisa que Rafael disse no nosso primeiro dia na praia quando acordamos e fomos tomar café. Eu revivi aquele momento ali naquele instante. Eu estava tão feliz naquele dia pensei que aquilo se repetiria para sempre disse a Augusto que ia ao banheiro fui ate la joguei uma agua no rosto fechei os olhos com força e tentei tirar aquelas memorias de minha cabeça, era passado não era justo comigo nem com Augusto que estava ali comigo. Voltei para a mesa e tudo voltou ao normal. Tomamos café da manha conversamos sobre varias coisas, depois fomos para o sofá e ficamos assistindo tv, depois Augusto me trouxe um álbum de fotos, tinham poucas fotos, mas pude vê lo pequeno, adolescente, rapazinho, vi a sua mãe. Augusto me contou varias historias de quando era criança rimos muito.
A noite chegou eu estava meio que dormindo na sala deitado no peito de Augusto que assistia tv quando ele me pergunta:
_ Ei Sam j√° quer jantar?
_ Estava meio que cochilando aqui, mas sim estou j√° com fome preparou algo?
_ N√£o vou comprar.
_ Que tal irmos a algum lugar? Conhe√ßo um barzinho com musica ao vivo que serve umas por√ß√Ķes deliciosas e...
_ Na verdade estava pensando em comermos aqui mesmo.
_ Hum sei...
_ √ą que queria passar mais tempo com voc√™ assim s√≥ nos dois, mas podemos marcar para outro dia esse barzinho. Bom tem um restaurante chamado ‚Äúcantina‚ÄĚ aqui perto que √© uma delicia quer que eu traga algo ou prefere pizza?
_ Você que sabe esta como anfitrião hoje me faça uma surpresa.
_ Certo volto j√°!
Disse Augusto me dando um beijo na testa, se levantou pegou e foi ao quarto vestir uma roupa, pois estava apenas usando uma cueca e eu fiquei no sof√°.
Quando Augusto saiu me levantei e fui andar pela casa, a cozinha parecia n√£o ser muito usada realmente, a despensa muito p√£o de forma, alguns enlatados, a geladeira muitos embutidos, salsichas, hamb√ļrgueres, lingui√ßa calabresa, molhos, realmente batia com o que ele tinha me dito de comerem mais lanches, fui no quarto das crian√ßas parecia que eram duas meninas o quarto todo rosa, com os moveis brancos um guarda roupa e duas camas uma ao lado da outra, muitas bonecas em prateleiras nas paredes, muitas roupas minha impress√£o pela quantidade de coisas e roupas era de que elas moravam ou passavam muito tempo ali.
Quando sai do quarto das crianças me deparei com a porta misteriosa novamente olhei para o rumo da sala pensei e decidi tentar abrir a porta, mas ao girar a maçaneta que surpresa, ela estava trancada. Provavelmente Augusto a trancou após me ver no primeiro dia em frente a ela. Fiquei um tanto frustrado tentei olhar pela fechadura, mas nada consegui ver.
No quarto de Augusto achei estranho que no guarda roupas tinham poucas roupas, no restante dele muitas caixas com livros e tralhas que pareciam n√£o ser usadas a algum tempo. Quando eu abri a porta da cozinha para ver o quintal escuto o carro de Augusto voltando, fechei a porta e corri para a sala, pois n√£o queria que Augusto pensasse que eu estava bisbilhotando sua casa.
Augusto trouxe duas pizzas achei exagerado, mas comemos bem sobrou e guardamos ele disse que gostava muito de pizza no café da manha.
Assistimos um pouco mais de tv. Augusto começou a me acariciar, beijar meu pescoço e logo estávamos na cama, Augusto por cima de mim metendo gostoso, naquele momento eu não pensava em nada e ele realmente era atencioso. Dessa vez Augusto também quis ser passivo o coloquei de quatro e meti segurando em sua cintura tive que ir com cuidado já que Augusto geralmente era ativo e sentia muitas dores, mas logo que ele relaxou e a cabeça entrou com jeitinho fui mexendo meu quadril e aos poucos ele começou a rebolar em minha pica facilitando a penetração e dando sinal verde para estocadas mais rápidas logo estava gemendo de prazer.
Exaustos deitamos um ao lado do outro depois de um descanso tomamos banho e dormimos. Nesta noite dormi mais tranquilo e desta vez n√£o tive pesadelos.
Acordei com beijos e caricias no rosto feitas por Augusto que estava cm um belo sorriso nos lábios dizendo para eu acordar e me chamando de dorminhoco. No café da manha comemos pizza eu esquentei a minha no micro-ondas e Augusto comeu a sua fria mesmo com café. No restante do dia tentei livrar minha cabeça de todos os pensamentos do passado e acabou dando certo, bom algumas vezes era difícil não me lembrar de coisas que Rafael e eu dizíamos fazer quando pudéssemos estar juntos, mas eu me focava no momento atual e o tirava dos meus pensamentos.
Augusto parecia realmente feliz por minha presença, mas depois do almoço continuamente ele olhava no relógio, e a cada barulho pensava ser seu celular ou o telefone fixo achei por bem ir embora e ele me levou em meu apartamento e acabou ficando ate mais tarde comigo ate que recebeu uma ligação eu estava na cozinha e ele com um tom de voz meio baixo respondeu:
_ Tudo bem já estou indo buscar vocês beijo.

Continua...

Autor: Mrpr2
Contato:
é necessário estar logado para enviar uma mensagem ao autor do Conto Er√≥tico. Registe-se, é gratuito.

Comentar


Código de segurança
Actualizar

Caminho:

√öltimos Coment√°rios

  • Sou totalmente ativo 000%ativo simp√°tico... Mais...
  • Hi there to all, how is all, I think eve... Mais...
  • Ol√° mrpr,gostei muito do seu conto.Quero... Mais...
  • Nossa que delicia de experi√™ncia cara.Se... Mais...
  • O conto foi bem elaborado gostei. Por√©m ... Mais...
  • I have noticed you don't monetize your p... Mais...
  • I have checked your page and i have foun... Mais...
  • Conto lindo maravilhoso. Excitante por s... Mais...
  • I see you don't monetize your page, don'... Mais...
  • I have checked your site and i've found ... Mais...

Contos Eróticos Picantes no seu Email

Insira o seu Email:

Patrocinado por FeedBurner