Heterosexuais - UMA HORA - Contos Eróticos

Contos Eroticos

                   

Pesquisa R√°pida


UMA HORA

Ver todos os Contos Eróticos de leticialuccheze

Referência (ID): 1570
UMA HORA

---Boa tarde!
---Boa!
---O que você andou fazendo durante estes sete dias passados?
---Só descansando.
---Hum. Ficou só em casa?
---Sim, mais eu gosto muito de dançar!
---Então não ficou só em casa? O que fez a respeito?
---Está bem! Sai pra dançar na sexta-feira!
---Hum. Onde foi?
---Numa boate perto de casa!
---Gosta de uma farra...
---Quero dançar com você! Gostas?
---Não sei dançar. E aí beijou muito?
---Muito! Amo beijar!
---Beijou quantas enquanto dançava?
---Só uma.
---Só!?
---Só! Mais depois ela veio pra minha casa.
---Ent√£o a coisa ficou boa.
---Eu só quero uma namora firme e você me parece ser gente boa! Topas!?
---Lindinho! Continue! O que aconteceu depois que chegaram a sua casa? E n√£o se acanhe!
---Quer mesmo saber? Quer?
---Diga tudinho! Vamos!
---Ela estava com um vestido comprido, sem calcinha e com muito tes√£o.
---E...
---Ela deitou de barriga pra baixo, empinando o bumbum para o céu.
---Onde ela deitou?
---Na mesa da cozinha! Então passei a língua no seu reguinho e quanto mais eu passava, mais ela empinava. Isso aumentava mais o meu tesão! Contando isso o meu pau já está duro aqui!
---Ela estava sem calcinha! E você?
---Sou o tipo de homem que n√£o consegue ficar sem cueca!
---Entendo.
---Com toda aquela excitação, baixei minha calça e tirei-o para fora. Teve um momento que ela pegou o meu pau e começou a esfregar a cabeça dele em seu reguinho.
---Ela fez isso deitada de costas?
---Sim, de costas.
---Contorcionista heim!!!
---Não, ela apenas levou o braço nas costas e com a mão pegou-o com força.
---Sem calcinha, bunda empinada... hum... Antes da boate você nunca a tinha visto?
---Ela já era minha conhecida, mais nunca tínhamos...
---Conhecida? H√° quanto tempo eram conhecidos?
---Há uns dois anos e nessa época ela era casada. Mais agora está separada.
---A conheceu a onde?
---Conheci no restaurante, era minha cliente.
---Quantos anos ela tem?
---Quarenta e cinco! Ela estava a uns quatro meses separada.
---Hum... mais voltando para a mesa...
---Como disse, ela estava de barriga para a mesa... com aquele bumbum grande... com ele todinho virado pra mim... Ah, eu amo!
---Ent√£o ela tem o quadril largo?
---Tem! E no meio daquele ardor, ela pediu que eu inaugurasse o seu bumbum, porque sempre teve muita vontade e o marido n√£o gostava.
---E o que você fez?
---Ela que fez por mim, pegando o meu pau e passando-o no seu cuzinho.
---E depois?
---Bom, depois √† √ļnica coisa que pude fazer, era satisfazer a sua vontade. Pois sempre obede√ßo aos desejos femininos. Ent√£o, coloquei a cabe√ßa e depois o corpo inteiro. Ia colocando e ela mexendo o bumbum.
---Como ela mexia?
---De lado, pra frente, pra traz, pra baixo e enquanto metia, mais molhada ela ficava.
---O cu ficou molhado?
---Sim, o cuzinho dela todo molhadinho, nunca tinha visto isso!!! Só sei que o meu pau começou a babar, entrando gostoso.
---A primeira enfiada você colocou de vagar?
---Coloquei lentamente milímetro por milímetro. No início! Aí quando aquele cuzinho ficou molhadinho, eu dava era umas estocadas forte! Muito gostoso!!!
---O que você fazia enquanto enfiava o pau no rabo dela?
---Eu segurava nos seus cabelos.
---Segurava e puxava?
---Eu puxava os cabelos dela, para que empinasse mais o bumbum. Para poder enterrar mais e mais o meu pau no cuzinho dela.
---Você estocava com força, com muita força!?!
---Enterrava vorazmente pra ela gemer!
---Enquanto ela era ferrada, você tocava na boceta?
---Sim e quanto mais fodia o cuzinho dela, mais ela rebolava.
---Ela sentiu dor?
---Engraçado, ela disse que se não doesse não teria graça e que só gosta quando começa a doer. Por isso tive que ferrá-la com violência.
---O que você achou disso?
---Ah... eu só fiquei olhando aquele bumbum grande atééé... ejacular.
---Você ejaculou a onde?
---Na hora, tirei do cuzinho e ejaculei no bumbum!
---Depois de meter na bunda e ejacular o que aconteceu?
---Ela virou de barriga pra cima e me mostrou a bocetona, gordinha com o grelinho rosadinho!
---Tudo isso na mesa da cozinha?
---Foi! O tempo todo ela ficou deitada na mesa e eu em pé.
---Você nunca tinha tido tesão por ela quando era sua cliente?
---Sabe que n√£o! N√£o costumo olhar muito as clientes!
---Sei!!! E o que vocês fizeram em seguida?
---Comecei a tocar na bocetona que já estava encharcada! Aí meu pau ficou duro novamente!
---E você ainda tinha pique, pra meter outra vez seguida?
---Uma coisa eu e ela temos em comum! Quanto mais metemos, mais queremos meter!
---E como você a fodeu dessa vez?
---Ela entrelaçou as pernas no meu corpo, prendendo-me a sua bocetona, Então agora era só enterrar.
---O que mais?
---Meti na bocetona dela várias vezes, que pingava no compasso de cada estocada. E em certos momentos, ela segurava e apertava o meu pau com a boceta. Parecia massageá-lo, mamá-lo! Coisa de louco!!! Foi assim até enchê-la de porra. Depois ela deixou o meu pau limpinho, com suas chupadas estonteantes!
---O que ela sentiu sendo fodia por duas vezes consecutivas?
---Ela simplesmente n√£o parava de gemer. Seus gemidos pareciam uma suplica pedindo mais.
---Mais tinha acabado né!?
---Acabou uma ova! Aí nós fomos pro banheiro tomar uma chuverada! Olha que esse relato está me deixando louco!!!
---E no chuveiro?
---Ela começou a me chupar novamente. Chupava o meu pau e massageava o saco ao mesmo tempo! Loucura!!!
---Ela mamou muito?
---Tanto, que o meu pau logo pegou fogo.
---E o que sucedeu?
---Comecei a meter, em todas as suas entradas no chuveiro mesmo. E com o ferro dentro dela fomos pra cama.
---Realmente, vocês têm pique!
---Tirei o pau e come√ßamos a fazer um sessenta e nove de ladinho. Depois eu sentei na cama e a coloquei no colo de frente pra mim. A√≠ ela come√ßou a cavalgar com f√ļria!
---Em que local da cama você sentou?
---Na quina!
---O que você fazia com as mãos?
---Eu a segurava pelas costas acelerando as cavalgadas, erguia-a e a descia violentamente. E ao mesmo tempo chupava, lambia, mamava e mordia os seus peit√Ķes com a boca. Peitos grandes que eu mamava, mordendo e metia, metia e mamava, mordendo incansavelmente. Ela tem o bumbum grande, a coxa grande, o peito grande... Tudo nela √© grande!
---Ent√£o ela n√£o era magra e nem sequinha!?
---E quem √© que n√£o gosta de lua cheia, almofada rechonchuda ou pizza grande!? Ai, isso √© que √© um excesso de formosura e gostosura!!! S√£o as melhores na cama! Porque ao contr√°rio das magras paran√≥icas, n√£o se deixam prender ao tipo de corpo que a m√≠dia tenta padronizar como o √ļnico. Sobrando tempo suficiente para se dedicarem aos prazeres sexuais. Ai... e √© disso que eu quero morrer...
---Você é uma graça de pessoa!
---Que bom que você pensa assim!
---Você estava fodendo o cu ou a boceta dela?
---Bom, ora fincava no cuzinho, ora na bocetona, ora na bocetona, ora no cuzinho!!! A boceta dela era quente, como um vulcão, parecia até que dormia com ela no forno!!! Entrava e saia e só se ouvia ela sussurrar e gemer...
---O que você sentia enquanto ela gemia?
---Quanto mais ela gemia, com mais tesão eu ficava. E o meu pau se tornava mais duro ainda, o que lhe causava dor em cada enterrada. Porque duro como rocha, ele não era flexível e a fodia totalmente na vertical.
---O que ela achava disso?
---Ela gemia mais e mais e nem pedia pra diminuir o ritmo das estocadas. E como já havia dito, ela só gostava se tivesse uma dorzinha. Aí novamente, para satisfazer mais um desejo feminino tive que enterrar feio!
---Ent√£o o trem estava era bom!?!
---Com certeza!!! E quanto mais ela gemia, mais eu fodia!
---Então era como se fosse um código entre vocês!?
---Verdade pura! E enterrava nela bonito! Percebi que nós gostávamos de um ato sexual selvagem, animalesco, como bichos irracionais e instintivos que só pensavam em meter!!!
---Em cada foda dessa, você demorava quanto tempo para ejacular?
---Sou duro na queda, como o meu pau!!! Sempre me concentro e por isso fico mais de quarenta minutos metendo. Gosto de deixar molhadinho, vermelhinho e quentinho o cuzinho, a boca ou a bocetinha antes de deixar a porra sair.
---√Č e pelo o que voc√™ j√° falou, ela ama isso tamb√©m!
---O marido dela é que não percebeu o que tinha em casa! A minha cueca já está apertada, posso tirar o meu pau pra fora?
---Lindinho! Ela separou por quê?
---Chega a ser c√īmico! Pois tendo uma mulher dessas em casa, ele brincava de infidelidade. A√≠ ela deu um tchau pra ele!
---Ela é das minhas! Então na cama de sua casa, você a enlouqueceu e foi enlouquecido por ela?
---Sabe, gosto muito de trepar! Agora você bem que podia me contar como gosta de fazer?
---Não invertemos os nossos papéis! Quantos anos você tem mesmo?
---Quarenta e nove de puro pau duro, latejante. Você não está com nenhum pingo de tesão em me ouvir contar tudo isso?
---Isso n√£o vem ao caso!!!
---Ser√° que vou dar conta um dia, de controlar esses meus desejos ardentes!?
---Creio que isso n√£o deve ser controlado e sim aflorado cada vez mais!
---Aflorado!? √Č!?
---√Č! Marque com a minha secret√°ria e volte √† semana que vem pra continuarmos!
---Nova sess√£o!? Mais se √© pra ser aflorado, que tal a pr√≥xima ser na minha casa? A√≠ voc√™ me mostrar√° o caminho do afloramento, experimentando a mesa da cozinha, o chuveiro, a cama e todos os demais m√≥veis e c√īmodos de l√°? O que acha?
---Desculpe, mais a sua hora j√° acabou!
---Que saco! Quando começa a ficar bom acaba!



Letícia Luccheze.




























































[email protected]
www.facebook.com/Let%C3%ADcia-Luccheze -173002122860743/?ref=bookmarks
www.leticialuccheze.com
Contato:
é necessário estar logado para enviar uma mensagem ao autor do Conto Er√≥tico. Registe-se, é gratuito.

Comentar


Código de segurança
Actualizar

Caminho:

√öltimos Coment√°rios

  • Very good! Mais...
  • I can see that your page probably doesn'... Mais...
  • Heya are using Wordpress for your site p... Mais...
  • Thank you a lot for sharing this with al... Mais...
  • It's the best time to make somme plans f... Mais...
  • Hey! Someone in my Myspace group shared ... Mais...
  • My partner and I stumbled over here diff... Mais...
  • Genuinely when smeone doesn't know then ... Mais...
  • boa tarde, Michael Fritz..gostei e me ex... Mais...
  • generic prednisone: https://canadian-pri... Mais...

Contos Eróticos Picantes no seu Email

Insira o seu Email:

Patrocinado por FeedBurner