Orgias - Trio nas férias - Contos Eróticos

Contos Eroticos

                 

Pesquisa Rápida


Trio nas férias

Ver todos os Contos Eróticos de cat365

Referência (ID): 1482
Olá, eu sou a Catarina. Tenho 27 anos e namoro com o Júlio que tem 32. Somos de Portugal e um casal normal, mas intimamente gostamos de experimentar coisas novas. Eu sou morena, 1,62 m, 53 kg, cabelo preto pelos ombros, olhos pretos, seios médios e confesso que adoro o meu rabo. O Júlio tem 1,70 m, 65 kg, corpo de ginásio, bem definido, moreno e cabelo curto.
Tudo se passou nas férias de verão de 2016. Eu e Júlio alugamos uma casa no Algarve junto à praia. Um dia reparámos junto de nós uma mulher com cerca de 30 anos, de cabelos ruivos, de peito pequeno, sorriso muito bonito e uma bundinha bem redonda. Como gosto de mulheres, comentei com o Júlio a beleza dela.
Aproveitei a oportunidade quando Júlio foi dar um mergulho e falei com ela. Uma conversa normal de circunstância e fiquei a saber que ela era holandesa e estava em Portugal de férias. O marido tinha ficado na Holanda em trabalho e só chegava passados 2 dias. Quando Júlio regressou do mar fiz as apresentações.
Ficámos conversando durante toda a manhã . Júlio não tirava os olhos de Ester, principalmente da sua bunda perfeita , o que me deu uma agradável sensação, pois uma das minhas fantasias favoritas é observar Júlio com outras mulheres.
Percebi que Ester não se interessava muito por mulheres, o que para mim não tem problema. Fomos juntos ao mar e para provocar Ester, beijei Júlio na boca e coloquei a mão dele sobre os meus seios. Ester, sorriu ao ver aquela cena e percebi que ela podia ser a nossa companhia durante a noite.
Chegou a hora do almoço e convidámos Ester para almoçar na nossa casa. Tomámos umas cervejas e em mais um momento de intimidade, beijei Júlio no peito e passei a mão no pau dele. Neste teste definitivo, percebi que Ester sorriu de novo ao ver.
Fomos de novo para a praia e Júlio foi jogar à bola com um grupo próximo. Aproveitei para falar com Ester e fiquei a saber a sua curiosidade em outras coisas no sexo, pois tinha uma vida sexual normal. Perguntei se estar com casal era uma dessas fantasias e ela respondeu que sim, mas ainda não tinha tomado coragem e para o fazer teria de ser sem o conhecimento do marido. Avancei na conversa com cuidado e convidei para jantar comigo e com o Júlio.
Na hora marcada, Ester bateu na porta. Trazia um curto vestido colorido e uma T-shirt transparente branca que permitia ver os seus pequenos mais lindos seios. Durante o jantar, rimos muito e tomamos umas cervejas e o ambiente foi ficando cada vez mais descontraído , assim como a conversa e falámos sobre sexo. A dado momento eu falei que adorava chupar o pau do Júlio num momento inesperado sem planear. Ester sorriu e disse:
- Show me!
Embora não muito surpreendida pelo pedido, o mesmo me excitou incrivelmente. Júlio quase nem percebeu o que se estava a passar, mas nesse momento estava de pé junto de mim. Peguei nos calções dele e puxei para mim. Baixei, até ficar a altura dos joelhos, deixando o pau já ereto de fora. Peguei no pau e fiquei a punhetar, ate ficar mais duro. Ester abriu bem os olhos e percebi que tinha ficado surpreendida não só porque eu aceitei o seu desafio como pelo tamanho do pau que estava na sua frente. Como falei anteriormente, Júlio é quase um homem normal, mas seu pau destaca-se pelo tamanho e grossura. Júlio tem um pau de 22 cm quando está no seu tamanho máximo.
Ester falou:
- Lucky girl. I never see a a cock like this!
Fui de boca naquele pau e comecei a chupar aumentando mais a tesão do Júlio que naquele momento parecia rebentar. Ester só olhava o meu movimento e tentativa de engolir cada vez mais fundo,enquanto massajava as suas bolas.
Júlio fez sinal a Ester que se aproxima-se e beijou-a na boca, tocando nos seus seios. Ester tirou a T-shirt deixando ver uns seios maravilhosos. Eu de joelhos chupando o pau do Júlio, olhei para cima e ele meteu a língua dentro da boca de Ester, enquanto sua mão percorria os seios dela.
Levantei e fomos os 3 para o quarto onde poderíamos estar mais confortáveis, pois a sala era bastante pequena. Ester falou que nunca havia traído o marido e que estava nervosa. Percebi que falava a verdade, pois o seu corpo tremia. Júlio beijou-a de novo na boca e eu aproveitei para tirar o seu vestido e calcinhas. Júlio deitou Ester na cama e começou a chupar o seus seios pequenos mas perfeitos. Todo o corpo de Ester se contorcia e eu aproveitei para passar a mão na sua buceta. Ester colocou a sua mão na minha e percebi que não estava pronta para o contacto com outra mulher. Respeitei e não quis estragar o momento e fiquei a acariciar Júlio enquanto ele ia chupando os seus seios e ia descendo até chegar junto da buceta da Ester.
Ester tinha uma buceta linda e não completamente lisinha e fiquei a ver a língua do Júlio dentro dela, enquanto Ester se contorcia de prazer.
Júlio mudou de posição e ficou deitado de costas e pediu a Ester que se colocasse bem por cima da boca dele em posição de 69. Eu fiquei chupando aquele pau enorme ao qual Ester prontamente se juntou e começou a chupar. Ester visivelmente pouco habituada com um pau assim, sentia dificuldades em engolir todo e notei que estava ansiosa que Júlio metesse nela. Adivinhando meus pensamentos, Júlio deu um tapa na bunda de Ester e saiu debaixo dela.
Ester ficou deitada de costas e Júlio colocou-se por cima dela e pegando no seu pau, aproximou da buceta molhada dela. Colocou apenas a cabeça dentro e tirou e ficou a roçar, brincando com a tesão dela. Ester disse um palavrão sexual em inglês e pegou no pau do Júlio e aproximou da entrada da buceta. Júlio, não negou e enterrou o seu pau enorme até metade. Ester soltou um grito que me assustou e senti todo o seus corpo a tremer. De seguida Júlio fez mais um movimento e entrou todo dentro dela até ao talo. Ester de mais um grito pediu para ir devagar. Júlio iniciou então pequenos movimentos de entra e sai dentro da Ester que gemia cada vez mais. Os movimentos iam acelerando e Ester falava palavras em holandês que não entendi. O seu tesão era tanto que o vi saindo da sua buceta aquele maravilhoso líquido branco. Ester, percebendo, tapou a cara de vergonha, mas Júlio continuava a bombar sem parar. Ester não segurando a tesão, atingiu o orgasmo com um enorme grito e novas palavras que não entendi.
Júlio saiu dentro de Ester e eu aproveitei para o chupar e sentir o sabor da tesão dela. Ester ficou deitada na cama muito suada e todo o seu corpo tremia. Julio deitou na cama e eu subi para cima dele e enterrar aquela verga enorme em mim. Fiquei descendo e subindo num movimento delicioso , mas sentia cada vez mais o desejo de o ver de novo dentro dela. Ester estava deitada na cama e ainda pingando tocava-se nos seus seios e olhando para mim a foder o Júlio.
Mudei de posição e fiquei na minha posição de 4. Nessa posição a penetração é total e muito intensa. Júlio meteu todo aquele pau em mim e ainda não dava sinais de estoirar. Foi a minha vez de atingir o orgasmo e foi muito intenso. Estiquei o braço e abri a gaveta, tirando o gel. Júlio sabia o que eu queria e passou o gel na entrada do meu cuzinho. Eu só consigo receber aquela pau enorme se estiver muito excitada e com gel e Júlio não perdeu a oportunidade. Levantei mais a minha bunda e ele passou o gel e foi metendo 1 dedo e depois 2. O tesão era enorme e ele meteu a cabecinha na entrada.
Uma dor atravessou o meu corpo, mas era uma dor boa. Ele foi entrando cada vez mais e perante os meus gemidos foi enterrando até ao fim. Comecei a ser inundada por um prazer imenso e sentir aquele pau dentro das minhas entranhas.
Ester ficou ao meu lado, segurando o meu cabelo e fazendo-me caricias nas costas e na minha bunda. O tesão não podia ser maior. Perguntei-lhe:
- You want to try?
Ela respondeu que nunca havia feito sexo anal, mas que naquela noite queria fazer loucuras.
Tirei o pau do Júlio dentro de mim e beijei a Ester na boca. Ela riu muito. Beijei-a depois na face e ajudei que se colocasse de 4. Sou louca por bundas de mulher e confesso que Ester tinha uma bunda incrível, perfeita.
Júlio louco de desejo, não dizia uma palavra e vendo Ester dobrada e totalmente submissa a ele, pegou no pau e enfiou dentro da buceta. Ester, soltou de novo um grito, enquanto sua buceta continuava a pingar. Enquanto Júlio comia Ester de 4 e ela gemia cheia de tesão, eu passei o gel lubrificante na entrada do seu delicioso cuzinho e fui colocando com o meu dedo. Júlio colocou a mão por baixo e levantou ainda mais a bunda da Ester até ela ficar bem empinada. Então se colocou numa posição mais elevada e enfiou a cabeça no cuzinho dela.
Ester se contorceu de dor, mas surpreendentemente não resistiu ou tentou sair enquanto aquele pau enterrava mais fundo nela até ao fim. Ester gritava bastante, mas a casa ficava um pouco isolada e não havia problema. Depois de algumas estocadas, Ester foi-se acostumando e os gemidos de dor deram lugar a gemidos de prazer.
Júlio ia alternado entre buceta e cuzinho dela. Nossos corpos estavam todos suados e percebi que Júlio estava quase a rebentar. Mas Ester ainda guardava uma última surpresa e soltando um ultimo grito, atingiu o orgasmo uma vez mais, mas desta vez muito mais intenso. Sem energias, ficou dobrada sobre a cama ainda com o pau dentro dela. Conheço Júlio como ninguém e sabia que ele estava próximo e coloquei-me junto dele. Ele tirou o pau dentro dela e apontou-o para nós as duas e uma enorme quantidade de leite jorrou do pau para as nossas bocas e seios.
Exausto caiu sobre a cama e nós duas ficámos também deitadas. Ester não parava de rir e feitos tolos todos rimos. Fomos depois tomar banho, onde apenas explorámos os corpos uns dos outros. Fomos depois deitar, mas isso fica para depois.
Contato:
é necessário estar logado para enviar uma mensagem ao autor do Conto Erótico. Registe-se, é gratuito.

Comentários  

 
0 #4 Peter 24-07-2017 15:41
Adorei gostava ter o prazer de o fazer com a minha mulher
Reportar ao administrador
 
 
+1 #3 rui j santos 26-06-2017 09:18
espectacular Catarina, continuam e não param....já experimentaram trios com machos?
Reportar ao administrador
 
 
+1 #2 cat365 04-06-2017 19:43
É apenas sexo Ana e nós adoramos sexo. Uma das minhas fantasias favoritas por estranho que pareça é ver meu namorado com outra mulher.
Reportar ao administrador
 
 
+2 #1 Ana Sonhadora 01-06-2017 14:56
Excelente conto!
Ou ia ter muitos ciumes de ver meu marido com outra, mas imagino que deve ter sido mesmo uma noite inesquecível!
Reportar ao administrador
 
Caminho:

Últimos Comentários

  • Claro que tens de contar mais e todos os... Mais...
  • oi sou casado mais sempre curti cumer ma... Mais...
  • muito obrigada Ana Moreira, não tenhas d... Mais...
  • Adorei estes relatos. Sei muito bem o qu... Mais...
  • Esse conto é uma comédia kklk Mais...
  • ótimo conto..sempre que leio fico puto d... Mais...
  • PARABÉNS eu t/b tive que ter muito traba... Mais...
  • ótimo conto..sempre que leio fico puto d... Mais...
  • Parabéns pelo relato volta p/ ele já que... Mais...
  • Caramba que delicia! Gozei só me masturb... Mais...

Contos Eróticos Picantes no seu Email

Insira o seu Email:

Patrocinado por FeedBurner